SEIS QUILÔMETROS, 180 ARCOS

SEIS QUILÔMETROS, 180 ARCOS

Aqueduto dos Pegões, em Tomar, integrante do conjunto declarado patrimônio da humanidade em 1983. No website da Direção-Geral do Patrimônio Cultural (DGPC), lê-se assim sobre ele: “O Aqueduto do Convento de Cristo, ou dos Pegões, foi projectado no início do … Continuar lendo

PROVESENDE

Há seis anos, quando fui pela primeira vez ao Douro, acabei passando pela aldeia de Provesende – mais ou menos 10 quilômetros do Pinhão, onde fiquei hospedado por mais de uma semana. A aldeia não estava nos meus planos. Mas quem resiste … Continuar lendo

SANTA CLARA-A-VELHA

Revisito neste post o Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, em Coimbra, que não faz parte do conjunto declarado patrimônio mundial pela UNESCO, mas é um monumento fantástico – para mim, de visita mais que obrigatória. E começo peça reprodução de um painel … Continuar lendo

LARGO DA PORTA DE MOURA

Não há visita à cidade de Évora, patrimônio da humanidade, que possa ser considerada completa sem um passeio pelo Largo da Porta de Moura – o lugar que aparece nesta foto. A estrutura que se vê no primeiro plano, encimada … Continuar lendo

ARCOS DE GIRALDO

Esses são os arcos de Giraldo, uma das praças mais legais que eu conheço – ainda que ela nunca apareça nos rankings que as revistas de turismo publicam de vem em quando. Todos, absolutamente todos os caminhos de Évora convergem para este lugar. E dizem que sempre foi assim, desde a fundação da cidade, no início da década de 1570.

Évora

Arcos da Praça do Giraldo, em Évora

A fonte barroca de Giraldo: oito bicas, cada qual associada a uma rua

Fonte barroca de Giraldo

© Fotos: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados