INVULGARMENTE BELA

Cenas de uma visita à Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, no Alto Douro Vinhateiro – região declarada patrimônio da humanidade em 2001. No website da Quinta Nova, lê-se assim sobre o lugar: “A Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo … Continuar lendo

PURO DOURO

Favaios, no Alto Douro Vinhateiro, em 10 fotos inéditas aqui no blog. Todas clicadas em 2012. No website Douro, lê-se assim sobre o lugar: “Favaios é uma aldeia pacata pulsante de História, no coração do Douro. Localizada na Serra de … Continuar lendo

DOC DOURO

Você provavelmente sabe: o Alto Douro, na região Norte de Portugal, só é patrimônio da humanidade por causa do vinho, ou melhor, da cultura das vinhas. Antigamente, quase tudo que se produzia de uva no Douro virava vinho do porto. … Continuar lendo

QUINTA DOS MALVEDOS

Na margem norte do Douro, junto à foz do Rio Tua, esparramam-se os vinhedos de uma das mais espetaculares quintas da região demarcada. Trata-se de Malvedos, pertencente à Graham´s – cujos vinhos do porto, em especial os vintage, são verdadeiras obras de arte.

Quinta dos Malvedos: produtora de vinhos de porto que são verdadeiras obras de arte

Quinta dos Malvedos: produtora de vinhos de porto que são verdadeiras obras de arte

A Quinta dos Malvedos foi adquirida pela família Graham em 1890. Teve de ser vendida algum tempo depois, devido a problemas financeiros, mas acabou sendo recomprada em 1970. As vinhas cobrem quase 70% dos 108 hectares da propriedade. Nos socalcos murados mais antigos, elas têm, em média, 45 anos de idade.

Os painéis de azulejo na entrada da quinta lembram os visitantes...

Os painéis de azulejo na entrada da quinta lembram os visitantes…

Douro

…de que a família Graham está no Douro desde o século 19

© Fotos: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados

A seguir, dois vídeos amadores, mas bem bacanas, feitos pela blogger da Graham´s em Malvedos no ano de 2011, poucas semanas antes da vindima (a colheita das uvas). A primeira parte passeia pelo setor sul da propriedade. A segunda, pelo norte. Ambas estão em inglês.

Só para constar: a safra 2011 foi uma das melhores de todos os tempos não apenas no Douro, mas em todo o país.