Tribunal absolve responsáveis pela vandalização de gravura do Côa

Presidente da Fundação Côa Parque acredita que o acto foi premeditado e tenciona recorrer da sentença. “É um dia triste para todos os que no nosso país lutam diariamente pela salvaguarda e valorização do património”, diz ao PÚBLICO.

https://www.publico.pt/2021/01/21/culturaipsilon/noticia/tribunal-absolve-dois-acusados-vandalizar-gravura-parque-arqueologico-coa-1947336