QUASE COMO NOVA

Passados mais de 500 anos desde a conclusão da sua obra original, em 1510, a Igreja de São Francisco, em Évora, está praticamente como nova graças a uma minuciosa restauração. O trabalho, iniciado em junho de 2014 e terminado 15 meses depois, em setembro do ano passado, consumiu um orçamento superior a 4 milhões de euros, envolvendo nada menos que 26 restauradores e cerca de 60 operários. Quase tudo, dos azulejos às esculturas e pinturas, foi impecavelmente recuperado de modo a devolver ao templo todo o esplendor de cinco séculos atrás. Resultado: uma das igrejas mais espetaculares de Portugal.

Nave da Igreja de São Francisco, em Évora, recentemente restaurada

Nave da Igreja de São Francisco, em Évora, recentemente restaurada

O Convento de São Francisco de Évora, complexo do qual a igreja faz parte, foi a primeira casa da Ordem Franciscana em Portugal. Segundo a tradição, neste local foi sepultado, em 1536, o poeta Gil Vicente, considerado primeiro grande dramaturgo português. Àquela altura, o convento vivia seus momentos áureos, com a corte do rei D. Afonso V utilizando o espaço conventual como residência durante suas estadias em Évora. Consequentemente, não demorou até que a igreja fosse elevada à categoria de Capela Real – daí os múltiplos emblemas régios de D. João I e D. Manuel I.

Capela da Venerável Ordem Terceira de São Francisco da Penitência

Capela da Venerável Ordem Terceira de São Francisco da Penitência

Évora

Detalhe da talha barroca da Capela da Ordem Terceira

Évora

Missa de reinauguração da igreja, dia 4 de outubro do ano passado

Évora

A capela-mor vista um pouco mais de perto, também durante a missa de reinauguração

© Fotos: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados


IGREJA DE SÃO FRANCISCO

  • Endereço: Praça 1º de Maio
  • Horários: das 9h às 12h45 e das 14h30 às 17h10 (abre às 10h nos domingos)
  • Entrada: gratuita (€ 2 para a Capela dos Ossos)
Anúncios

2 pensamentos sobre “QUASE COMO NOVA

    • Sim, Rodrigo, a Igreja de São Francisco já era linda antes do restauro. Agora, então, está literalmente divina. Arrisco dizer que é uma das cinco igrejas mais bonitas do país atualmente. Muito obrigado por deixar aqui seu comentário e acompanhar este blog. Forte abraço.

      Eduardo Lima
      Portugal – Patrimônios da Humanidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s