HERDADE DO ESPORÃO

A Herdade do Esporão, em Reguengos de Monsaraz, é uma propriedade magnífica, produtora de vinhos de excelente qualidade. Pena que minha passagem por lá tenha sido tão corrida e atabalhoada. Visitei-a de supetão, sem ter agendado nada com antecedência. Resultado: não consegui almoçar em seu restaurante, como era meu plano, nem conhecer o extraordinário túnel de barricas de estágio, talvez sua maior atração. Tive de me conformar apenas com um passeio pelas vinhas e pelo centro histórico da herdade. Fui embora frustrado, é lógico, mas levando algumas garrafas compradas no wine bar e a mais absoluta certeza de que, um dia, voltarei. Que seja em breve.

Xxxxxx xx xxxxxxxxx

Cena de estrada bem no início da manhã, a caminho da Herdade do Esporão

Xxxxxx xx xxxxxxxxx

Chegando a Reguengos de Monsaraz, Cidade Europeia do Vinho 2015

Xxxxxx xx xxxxxxxx

As vinhas da herdade, cultivadas sobre um antigo campo de batalhas sangrentas

Reproduzo a seguir alguns parágrafos sobre a história da Herdade do Esporão, publicados originalmente no website da vinícola.

“Desde a sua fundação, em 1267, os limites geográficos da Herdade do Esporão têm-se mantido praticamente inalterados, apesar de este ter sido um lugar de sangrentas batalhas e de feitos heróicos ao longo de quase nove séculos de existência. Soeiro Rodrigues, juiz da cidade de Évora, terá sido o primeiro dos muitos proprietários, entre os quais se incluem Rodrigues de Vasconcelos, mestre da Ordem de Santiago, o morgado D. Álvaro Mendes de Vasconcelos, que terá erigido a Torre do Esporão, e os condes de Alcáçovas, que mantiveram a propriedade na família até 1973, ano em que venderam a Herdade do Esporão a José Roquette e Joaquim Bandeira.”

Xxxxxx xx xxxxxxxx

A Torre do Esporão, erguida entre 1457 e 1490, hoje é o símbolo dos vinhos da marca

“No centro da Herdade do Esporão, erguem os três monumentos históricos da propriedade: a Torre do Esporão, o Arco do Esporão e a Ermida de Nossa Senhora dos Remédios, esta última ligada a um intenso e devoto culto popular na região que leva as gentes da terra em procissão sempre que a chuva tarda em chegar. A Torre do Esporão, símbolo de afirmação na sociedade e exibição de poder militar, é uma das torres mais importantes na ilustração da transição da idade medieval para a idade moderna em Portugal. (…) Terá sido edificada pelo morgado D. Álvaro Mendes de Vasconcelos, entre os anos 1457 e 1490, datas que correspondem, respectivamente, ao momento da posse do morgado e ao seu falecimento. Esta atribuição é do historiador José Pires Gonçalves, que teve em conta o projecto arquitectónico de implantação da Torre.

Álvaro Mendes de Vasconcelos vinha de uma família nobre em ascensão ligada à poderosa Casa de Bragança – era cavaleiro da casa do Duque de Bragança e regedor da cidade de Évora. Entende-se, assim, a construção da Torre do Esporão como um sinal visível de erupção da pretensão aristocrática. Esta era uma necessidade de afirmação da nova linhagem que, entre outros sinais, tinha por hábito erguer uma torre ou casa forte como verdadeiros símbolos da sua afirmação na sociedade. A função primeira deste tipo de torres era a de habitação, mas, nos finais do século 15, as torres que existiam em Portugal dificilmente serviriam de morada permanente, uma vez que suas dimensões eram muito reduzidas. Podiam também ter sido refúgios seguros para pessoas e bens, em caso de extrema necessidade. Mas, antes de tudo, eram um símbolo de senhorio e poder militar.

Hoje, a Torre do Esporão é o símbolo dos vinhos da Herdade do Esporão, tendo recuperado a sua antiga grandeza e importância. É o edifício mais importante e representativo de todo o conjunto que compõe a Herdade do Esporão. No rés-do-chão da Torre pode visitar-se um Museu Arqueológico, onde estão expostos diversos achados do Esporão e peças do Povoado dos Perdigões.”

Xxxxxx xx xxxxxxxx

Sinalização gravada no xisto, rocha presente na composição do solo da herdade

© Fotos: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados


HERDADE DO ESPORÃO

Contatos

  • E-mail: reservas@esporao.com
  • Telefone: (+351) 266 509 280

Horários

  • Enoturismo: das 10h às 19h
  • Restaurante: das 12h às 16h
  • Wine Bar: das 12h às 19h

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s