FORTE DA GRAÇA EM P&B

Aqui vai um ensaio sobre o Forte de Nossa Senhora da Graça, em Elvas, com imagens clicadas antes da reforma que está em curso. A obra deve ser concluída no próximo mês de setembro. Excelente notícia, não resta qualquer dúvida. A fortaleza vivia às moscas, completamente abandona, e merecia demais ser recuperada. Mas confesso que sentirei saudade do forte em ruínas. Visitá-lo naquelas condições foi uma experiência inesquecível. Estive lá 3 ou 4 vezes, durante uma viagem feita em 2012. Sempre sozinho, sem nenhum outro visitante por perto. A atmosfera era incrível, impregnada de um silêncio quase absoluto. Sensação indescritível. Adoraria ter mais uma oportunidade de experimentá-la.

Por outro lado, não me aguento de ansiedade para ver o monumento restaurado. Irei a Elvas agora em outubro, com o valioso apoio do Turismo do Alentejo. Aguardem. Estão a caminho fotos novinhas em folha – em todos os sentidos.

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

Forte de Nossa Senhora da Graça, Elvas

© Fotos: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados

Anúncios

5 pensamentos sobre “FORTE DA GRAÇA EM P&B

  1. Excelentes fotografias da Jóia. Mas o que disse no texto foi o que mais me chamou à atenção. E porquê? Porque ouvindo eu muita gente sobre o Forte, muitas têm manifestado o mesmo sentimento, ou seja, perde-se com o restauro aquele espírito de aventura cada vez que lá se ia, o mistério, a transgressão, etc, etc. Mas teria que ser. É caso para dizer que quem foi, foi, quem não foi já não irá. Obrigado.

    • Olá, Jacinto. Muito obrigado por visitar este blog. Sim, perde-se por um lado, mas ganha-se muito por outro. O Forte de Nossa Senhora da Graça é um dos monumentos mais espetaculares que eu conheço. Ele não poderia permanecer naquele estado de abandono em que se encontrava. Afinal, trata-se de um patrimônio da humanidade.

      Um abraço e, mais uma vez, muito obrigado pela visita.

      Eduardo Lima
      Portugal – Patrimônios da Humanidade

  2. Pingback: INIMIGOS NO ESPETO | Portugal - Patrimônios da Humanidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s