O TERRAÇO DA BATALHA

Eis uma visão pouco usual do Mosteiro da Batalha, declarado patrimônio mundial pela Unesco em 1983. O que se vê nessa imagem é o terraço, um espaço que só esporadicamente é aberto à visitação pública.

Um espaço bem pouco frequentado: ele só é aberto à visitação de vez em quando

Um espaço do mosteiro que poucos visitantes conhecem: ele só é aberto à visitação de vez em quando

“Desde finais do século 14 até os primeiros anos do século 16, o Mosteiro da Batalha foi o maior e mais avançado estaleiro do país”, informa o website do monumento. “Aqui se projetaram e executaram as soluções arquitetónicas e construtivas mais arrojadas, a partir da tradição existente, através da vinda de artistas e artífices de outros reinos ou do génio de artistas nacionais. A Batalha foi, ao longo de mais de um século, centro de receção e difusão de correntes artísticas, funcionando, do mesmo modo que os estaleiros das catedrais europeias, como escola para os mais diversos profissionais de arquitetura e construção.”

© Foto: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s