ENTRE CASTELO RODRIGO E FOZ CÔA

Quem acompanha este blog já leu, mais de uma vez, que fiz de Castelo Rodrigo minha base para as visitas ao museu e às gravuras pré-históricas do Côa. Isso me obrigou a percorrer meia dúzia de vezes, ida e volta, os 30 e poucos quilômetros que separam a aldeia do parque arqueológico. Roubada? De jeito nenhum. Primeiro, porque a estradinha, embora seja cheia de curvas, é um tapete e apresenta bem pouco tráfego. Depois, porque se trata de uma autêntica scenic route, com visuais de tirar o fôlego passando pelas janelas do carro o tempo todo. Confira as imagens desta galeria e me diga se estou exagerando.

A estradinha entre Castelo Rodrigo e Foz Côa: 35 km de cenários incríveis

A estrada entre Castelo Rodrigo e Vila Nova de Foz Côa: cenários inebriantes

Patrimônio Português

Casinhas de pedra entre sobreiros e oliveiras: uma constante durante quase todo o trajeto

Patrimônio Português

Sobreiro recém-escalpelado entre Almendra e Castelo Melhor: do tronco se extrai a cortiça

Patrimônio Português

Mais uma casa de pedra abandonada: ambiente rochoso e quase sempre árido

Patrimônio Português

Outro sobreiro escalpelado: o número no tronco indica que o último escalpo ocorreu em 2013

Patrimônio Português

Quinta do Custódio, em Castelo Melhor: o Douro de um lado e o Côa do outro

© Fotos: Eduardo Lima / Walkabout – Todos os direitos reservados

Anúncios

5 pensamentos sobre “ENTRE CASTELO RODRIGO E FOZ CÔA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s